Mundo

Metade da população de Kiev fugiu da capital desde ataque russo

(c) Refugiados-cruzam-as-fronteiras-da-UE-para-fugir-de-bombardeios-na-Ucrania-2-Fronteira-da-Eslovaquia-2022-Yanosh-Nemesh-Semanario-V
Partilhe esta notícia!

Metade da população da capital da Ucrânia, Kiev, fugiu da cidade desde o início da invasão russa ao país, em 24 de fevereiro, anunciou hoje o presidente do município, Vitali Klitschko.

“Segundo as nossas informações, um em cada dois habitantes de Kiev deixou a cidade. Hoje, restam pouco menos de dois milhões de habitantes” na capital, afirmou o autarca, em declarações à televisão ucraniana.

No entanto, “Kiev transformou-se numa fortaleza”, sublinhou Klitschko, no 15.º dia da invasão russa.

“Cada rua, cada edifício, cada posto de controlo foi fortificado”, garantiu o autarca.

A cidade de Kiev tinha 3,5 milhões de habitantes antes do início do conflito com a Rússia.

A Rússia lançou uma ofensiva em território ucraniano em 24 de fevereiro, que descreveu como uma “operação militar especial”, forçando mais de 2,3 milhões de refugiados a fugir do país, segundo a última contagem da ONU, hoje divulgado.

Comentários

topo