Braga

Câmara de Braga promove 30 eventos em 13 freguesias para “Descentrar” a cultura

© CM Braga
Partilhe esta notícia!

A Câmara de Braga vai promover, entre abril e dezembro, o “Descentrar”, um programa cultural que contempla cerca de 30 eventos distribuídos por 13 freguesias do concelho, foi hoje anunciado.

Do programa fazem parte, concretamente, cinco visitas guiadas a espaços patrimoniais, oito concertos de música clássica e erudita, cinco concertos de artistas emergentes no panorama musical português, dez espetáculos de Novo Circo com artistas nacionais e internacionais e ainda quatro espetáculos de teatro.

Para o presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, o “Descentrar 2022” pretende reforçar a aposta da autarquia na descentralização e na valorização do património cultural e natural do concelho.

“Agradecemos às juntas de freguesia a disponibilidade demonstrada em acolher este conjunto de eventos, que visa não apenas a criação de novos públicos, mas também levar as pessoas a conhecer e a desfrutar do nosso património”, referiu o autarca, na apresentação do programa.

Trata-se de um projeto de descentralização cultural, que tem como propósito permitir um acesso à cultura “em toda a sua variedade e extensão”, através da transformação qualitativa da experiência dos visitantes ou da reinvenção das narrativas associadas a cada lugar.

As visitas guiadas têm como “alvos” os espaços patrimoniais do Santuário do Sameiro (Espinho), Monte de S. Filipe e Moinhos de São Julião (Cabreiros), Nascente do Rio Este (Este S. Mamede), Mamoa de Lamas (Lamas) e Museu dos Cordofones (Tebosa).

Pretendem permitir um melhor conhecimento e perceção da componente patrimonial cultural de cada espaço, assim como do seu entorno geográfico.

O público poderá também usufruir da oferta, na área da música clássica e erudita, de um ciclo diferenciado de concertos comentados, realizados pela Sinfonietta de Braga, assim como dos concertos da Orquestra Filarmónica de Braga e de um conjunto de atuações de músicos como Golden Slumbers, Luca Argel, Surma, Valter Lobo e Cachupa Psicadélica.

Será igualmente promovida uma série de espetáculos de Novo Circo, pela Erva Daninha, com intuito de uma abordagem contemporânea daquela prática artística.

Na área do teatro, o programa apresenta quatro propostas do grupo de teatro Malad’arte, designdamente os espetáculos “O Reino Branco”, “Comédia Muda”, “Os Mercadores” e “ Uma Aventura no Parque”.

O “Descentrar” decorre em espaços patrimoniais e equipamentos culturais selecionados.

Todas as iniciativas culturais são de entrada livre, embora limitada e condicionada à lotação do espaço em que decorrem.

O programa completo do Descentrar 2022 pode ser consultado AQUI.

Comentários

topo