Braga

PJ faz buscas em Braga por crimes de fraude e desvio de subsídio no valor de 9ME

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

A Polícia Judiciária (PJ) realizou seis buscas na zona Norte do país, no âmbito de um processo relacionado com fraude na obtenção de subsídio no valor de nove milhões de euros, informou hoje aquele órgão de polícia criminal.

Em comunicado, a PJ esclareceu que as buscas foram realizadas num escritório de advogado e as demais em habitação e em empresas, nas cidades de Águeda (Aveiro), Caminha (Viana do Castelo), Guimarães (Braga), Matosinhos e Porto (Porto).

Segundo a Judiciária, as buscas, realizadas no âmbito de inquérito titulado pelo Departamento Central de Investigação e Ação Penal, tiveram como objetivo a obtenção de elementos de prova por crimes de fraude na obtenção de subsídio, fraude fiscal qualificada e branqueamento, no valor aproximado de nove milhões de euros.

“A investigação, iniciada com participação dos referidos crimes pela Agência para o Desenvolvimento e Coesão, I.P., abrange projetos de investimento de fundos no quadro do Acordo de Parceria ‘Portugal 2020′”, refere a mesma nota.

As buscas contaram com a participação de um magistrado judicial e outro do Ministério Público, 30 inspetores e peritos das áreas de informática e financeira da PJ e sete inspetores da Autoridade Tributária e Aduaneira.

Com Agência LUSA

Comentários

topo