País

Mercado de combustíveis cresce 52,22% em março deste ano

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

O mercado de combustíveis cresceu em março 52,22% em termos homólogos, uma variação a que não é “alheia o cenário internacional de alguma volatilidade anormal dos preços energéticos”, ultrapassando os valores pré-pandemia, adiantou a ENSE.

Em comunicado hoje divulgado, a Entidade Nacional para o Setor Energético (ENSE) indica que as introduções ao consumo – registos efetuados, para efeitos fiscais, pelos comercializadores grossistas de combustível – aumentaram em março 52,22% face ao mesmo mês do ano anterior, um crescimento de 261.921 toneladas para 763.484 toneladas.

“A esta variação mais robusta não será certamente alheio o cenário internacional de alguma volatilidade anormal dos preços energéticos em consequência da invasão da Ucrânia que poderá ter acelerado opções de consumo para procurar cobrir previsíveis variações futuras no mercado”, refere a entidade no seu portal.

A ENSE destacou a “expressiva recuperação face ao ano pré-pandémico”, havendo uma subida de 112.430 toneladas (17,27%) face a março de 2019, o que é revelador da “normalização das atividades económicas com a consequente retoma dos níveis de procura de produtos petrolíferos”.

A entidade destacou que na comparação face a março de 2021 se destaca a “recuperação homóloga do Jet [combustível para aviação] que registou uma variação de 274,61%, a gasolina (Categoria A) de 62,27%, o gasóleo (Categoria B, sem Jet) de 39,21% e a categoria C (GPL e Fuel) de 30,31%”.

Em termos mensais, verificaram-se subidas em todas as categorias, que acumulam uma variação de 33,44%, fruto do aumento total de 261.921 toneladas.

Comentários

topo