Desporto

Sérgio Conceição diz que castigo de Pepe é “revoltante”

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

O treinador do FC Porto considerou hoje “revoltante” o castigo de 23 dias a Pepe, imposto pelo Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol, na sequência dos incidentes no jogo com o Sporting, no Dragão, da I Liga.

Na conferência de imprensa de antevisão do jogo da segunda mão das meias-finais da Taça de Portugal, com os ‘leões’, Sérgio Conceição pede, ainda assim, uma resposta positiva da equipa perante a adversidade de ficar privada do capitão.

“É o timing que vocês sabem. Depois de tudo aquilo que se passou, o Pepe é o único de fora. É revoltante, mas isto é o futebol que temos. Vou repetir algo que disse há tempos: acho que não vale tudo para se ganhar”, começou por dizer o treinador dos ‘dragões’, que pediu a união do grupo: “Temos de ter o discernimento e capacidade de juntos sermos ainda mais fortes.”

O treinador da formação ‘azul e branca’ garantiu que está “preocupado” em arranjar uma solução para substituir Pepe, sem pensar no estado de espírito da equipa adversária.

“Não estou minimamente preocupado com o estado de espírito do adversário. Estou preocupado em preparar bem o jogo. O Pepe ia jogar e temos que preparar uma solução. Temos centrais que dão garantias, mas o Pepe é um dos capitães da nossa seleção e que foi decisivo para a nossa ida ao Mundial. Agora somos privados do nosso capitão num momento decisivo. O estado de espírito do rival não tem nada a ver com isso e o Rúben [Amorim] não tem culpa de ter um plantel na máxima força”, garantiu.

O FC Porto recebe o Sporting, às 20:15, no Estádio do Dragão, numa partida da segunda mão das meias-finais da Taça de Portugal de futebol, que será arbitrada por Nuno Almeida, da associação do Algarve.

Comentários

topo