Região

Portos de Âncora, Esposende e Caminha fechados devido ao mau tempo

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Quatro barras marítimas estão hoje fechadas a toda a navegação e cinco estão condicionadas devido à previsão de agitação marítima, de acordo com a Autoridade Marítima Nacional (AMN).

Segundo a informação disponível no ‘site’ da AMN, atualizada às 09:08 de hoje, encontram-se fechadas a toda a navegação as barras do porto de Vila Praia de Âncora, Esposende, Caminha e Portinho da Ericeira.

A barra de Aveiro está condicionada a embarcações de comprimento fora a fora inferior a 15 metros e a da Figueira da Foz a barcos de comprimento inferior a 11 metros.

Já as barras da Póvoa do Varzim e Esposende estão condicionadas a embarcações de calado superior a dois metros que apenas devem praticar a barra no período entre duas horas antes e até duas horas após a preia-mar.

Segundo a Autoridade Marítima Nacional, a barra de Lagos está condicionada devido a assoreamento no eixo do canal de navegação.

A previsão de vento forte e o agravamento da agitação marítima, levou a Autoridade Marítima Nacional (AMN) e a Marinha Portuguesa a lançar um alerta até às 18:00 de hoje.

De acordo com estas entidades, estão previstas ondas do quadrante noroeste, com uma altura significativa que poderá atingir uma altura máxima de 13 metros.

São esperados ventos com uma intensidade média de até 65 quilómetros por hora e rajadas até 115 quilómetros por hora.

A AMN e a Marinha alertam toda a comunidade marítima e a população em geral para os cuidados a ter tanto na preparação de uma ida para o mar, como quando estão no mar ou em zonas costeiras.

Recomendam o reforço da amarração e manter uma vigilância apertada das embarcações atracadas e fundeadas, evitar passeios junto ao mar ou em zonas expostas à agitação marítima e não praticar a atividade da pesca lúdica, em especial junto às falésias e zonas de arriba frequentemente atingidas pela rebentação das ondas.

Com Agência LUSA

Comentários

topo