Braga

PAN dá o primeiro passo para acabar com desperdício alimentar em Braga

(c) PAN Braga
Partilhe esta notícia!

A concelhia do PAN, Pessoas-Animais-Natureza, representada pelo deputado municipal, Tiago Teixeira, propôs uma recomendação, na reunião da Assembleia Municipal de Abril, para a criação da Estratégia Municipal de Combate ao Desperdício Alimentar.

Esta era uma das propostas que constava no programa eleitoral do partido ambientalista nas últimas eleições autárquicas e era assumida como uma das prioridades do partido para a cidade, tendo sido aprovada por unanimidade na reunião de Assembleia Municipal da última sexta-feira.

Segundo o comunicado enviado às redações, “mais de um terço de toda a comida produzida no mundo é desperdiçada ao longo da cadeia alimentar. Isto significa que cada pessoa em Portugal esbanja em média aproximadamente 2 quilos de alimentos por semana, sendo que 17% da comida é deitada fora ainda antes de chegar aos consumidores, enquanto 21,6% da população portuguesa vive em risco de pobreza ou de exclusão social e cerca de 3% em insegurança alimentar moderada ou grave”.

Para além disso, o partido considera que esta é também uma proposta essencial para o combate às alterações climáticas na cidade e quer que “esta Estratégia Municipal de Combate ao Desperdício Alimentar envolva agricultores, retalhistas, restaurantes, consumidores, associações e outras partes interessadas do Município, devendo incluir objetivos mensuráveis para a redução do desaproveitamento alimentar, e que contenha campanhas de sensibilização e educação da população, criação de redes de prevenção e gestão do desperdício entre outras medidas recomendadas por organizações internacionais”.

A recomendação seguiu para a Câmara Municipal além de ter baixado às comissões permanentes da Assembleia Municipal no sentido de recolher mais contribuições dos restantes partidos que concordaram com o deputado municipal do PAN que referiu que “com a crise nas cadeias de abastecimento, inflação e aumento do preço dos alimentos torna-se ainda mais insustentável e imoral desperdiçar comida.”

Comentários

topo