Viana do Castelo

Politécnico de Viana integra ‘Observatório Regional de Turismo Sustentável’

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

A região do Porto e Norte de Portugal já conta com um Observatório Regional de Turismo Sustentável depois da assinatura do protocolo de entendimento. “Esta é uma oportunidade para partilhar trabalho de investigação e monitorização da realidade turística, contribuindo para o desenvolvimento e construção de medidores para depois se tomarem decisões”, explica a coordenadora do CITUR da região. Goretti Silva, que é também a coordenadora do curso em Licenciatura em Turismo da Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTG) do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC), acredita que este observatório será “um instrumento ao serviço do turismo em Portugal”.

Com a assinatura deste protocolo, Portugal passa a contar com cinco observatórios regionais de turismo sustentável. O lançamento deste observatório, que decorreu no aeroporto Francisco Sá Carneiro, contou com a presença da secretária de Estado do Turismo, Comércio e Serviços, Rita Marques, e dos representantes das entidades parceiras, Turismo de Portugal, Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal e CITUR – Centro de Investigação, Desenvolvimento e Inovação em Turismo.
O CiTUR Coimbra tem sede na Escola Superior de Educação de Coimbra (ESEC/IPC) e integra também investigadores associados ao Instituto Politécnico de Viana do Castelo, ao Instituto Politécnico do Cávado e Ave e ao Instituto Politécnico do Porto.

A criação desta rede contribui para atingir os objetivos definidos na Estratégia Turismo 2027 que define que o destino Portugal se deve posicionar como um dos “mais competitivos e sustentáveis do mundo”, monitorizando a oferta e a procura do destino Porto e Norte de Portugal e potenciando o papel que o Turismo pode ter no desenvolvimento deste território e na diminuição das assimetrias regionais.
“A necessidade de criação de instrumentos operacionais de grande respalde científico que possam apoiar a monitorização das metas definidas na Estratégia para o Turismo 2027 em matéria de Sustentabilidade, bem como o contributo que a esse nível a região do Porto e Norte de Portugal poderá oferecer”, como se pode ler no memorando, fundamenta a criação do observatório. A integração do CITUR justifica-se pela “vitalidade crescente das instituições de ensino superior da região, ao nível universitário e ao nível do politécnico”, como acrescenta o mesmo documento.

O observatório permitirá desta forma ter um conhecimento aprofundado dos impactos da atividade no território e uma maior eficiência no planeamento e gestão dos destinos. Este memorando de entendimento para o Observatório Regional de Turismo Sustentável vai assim servir para “monitorizar a evolução da procura e da oferta do destino Porto e Norte de Portugal e assegura que os princípios, objetivos e planos de ação do Observatório Regional para o Turismo Sustentável da região do Porto e Norte de Portugal se encontram ligados às necessidades da industria turística e hoteleira da região”, acrescenta ainda o mesmo documento.

Comentários

topo