Viana do Castelo

Cartaz das Festas da Agonia de Viana autoria de José Raposo e Renan Morgado

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

José Raposo e Renan Morgado da empresa Loading Marketing Consulting apresentaram, pelo quinto ano consecutivo, uma proposta para o cartaz oficial da Romaria de Nossa Senhora d´Agonia 2022. A imagem de uma vianense vestida com o traje verde de lavradeira das Terras de Geraz do Lima, “transmitindo movimento e esperança no regresso à normalidade”, conquistou o júri. “Tem sido surpreendente. Não estávamos nada à espera e é muito bom ver o nosso trabalho reconhecido”, confessa José Raposo, ex-aluno do mestrado de Marketing da Escola Superior de Ciências Empresariais (ESCE) do Instituto Politécnico de Viana do Castelo (IPVC).

Foram 60 as propostas que concorreram ao concurso promovido pela VianaFestas – Associação Promotora das Festas da Cidades e o trabalho de equipa de José Raposo e de Renan Morgado foi o escolhido para representar o cartaz oficial da Romaria de Nossa Senhora d´Agonia 2022, concurso lançado, em conjunto, pela Câmara Municipal de Viana do Castelo, VianaFestas e Comissão de Festas. “Tivemos o apoio de alguém que percebe muito de trajes e acabamos por gostar particularmente do traje verde de lavradeira das Terras de Geraz do Lima”, refere o ex-aluno do Politécnico de Viana do Castelo, adiantando que aquela freguesia vianense já não era representada no cartaz há algumas décadas. Além do verde, que José e Renan associam “à esperança no regresso à normalidade”, o cartaz transmite movimento. “Todos queremos que estas festas simbolizem o regresso à normalidade e que muita gente venha a Viana do Castelo de 17 a 21 de agosto”, justifica.
As mensagens e os comentários das redes sociais deixam José Raposo “muito feliz”. “Claro que há sempre alguém que não aprecia, afinal isto é um concurso. Mas, no geral, as pessoas gostaram e continuam a dar os parabéns pelo trabalho realizado”, conta o ex-aluno do Politécnico de Viana do Castelo, confidenciando que “não estava à espera de tanto feedback”.

“Frequentar o mestrado na ESCE-IPVC foi uma mais-valia”

A Loading Marketing Consulting foi a primeira startup a ocupar a incubadora de empresas do Centro de Inovação e Logística, localizado no Campus da ESCE-IPVC em Valença, e na sua fundação teve também a participação de outros dois ex-alunos da licenciatura em Marketing e Comunicação Empresarial, Cláudio Cunha e Soraia Lopes.
O ex-aluno do Politécnico de Viana do Castelo lembrou o início do projeto. “Digo à boca cheia, que o facto de ter frequentado o mestrado na ESCE-IPVC foi uma mais-valia pelo conhecimento adquirido, mas também para conhecer as pessoas certas para nos levar a bom porto”, assegura José Raposo, esperando ser também “uma inspiração” para muitos estudantes. “Juntem-se a outras pessoas, porque com trabalho de equipa conseguem ir mais longe”, aconselha.
Este “prémio” é uma forma de “reconhecer” o trabalho feito pela equipa, que tem a empresa localizada em Monção. “Foi um desafio para nós e como queremos conquistar o mercado esta é uma oportunidade de mostrar o nosso trabalho”, assume José Raposo que é natural de Monção e que se juntou a Renan Morgado, também com raízes em Monção.

Comentários

topo