Região

REN oferece viatura aos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Famalicão

(c) REN
Partilhe esta notícia!

A REN – Redes Energéticas Nacionais, entregou uma viatura aos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Famalicão no âmbito da sua política de apoio às comunidades locais, reforçando o compromisso da Empresa com a prevenção e combate aos incêndios rurais. Numa cerimónia nas instalações da REN em Sacavém, que contou com a presença do Presidente da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, Brigadeiro General José Manuel Duarte Costa, e do Vice-Presidente do Conselho Executivo da Liga dos Bombeiros, Rui Rama da Silva, a corporação de Vila Nova de Famalicão, para além das corporações de Benavente (Santarém), Macedo de Cavaleiros e Miranda do Douro (Bragança), Estarreja e Arouca (Aveiro) e Armamar (Viseu) receberam uma carrinha pickup das mãos de João Conceição, Administrador Executivo da REN.

Desde 2009, e através de uma estreita parceria com a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) e os Municípios na defesa da floresta contra incêndios, a REN atribuiu 89 veículos a várias instituições, entre corporações de bombeiros e equipas de prevenção de incêndios das autarquias.

Segundo João Conceição, “a REN defende há muito anos que a prevenção contra os incêndios rurais não se realiza apenas na época crítica. É por isso que, ao longo de todo o ano, temos ações de prevenção em articulação com as autoridades competentes, limpando os corredores de transporte de energia, de forma a aumentar a resiliência das nossas infraestruturas e dos territórios onde as mesmas se encontram implantadas, criando, simultaneamente, oportunidades de combate aos Bombeiros e restantes Equipas de Proteção Civil. Sabemos que as corporações de bombeiros partilham desta nossa visão e que trabalham incessantemente todos os dias para evitar agressões à floresta portuguesa. A doação destas viaturas não é mais do que o reconhecimento do seu trabalho incansável”.
No concelho de Vila Nova de Famalicão, e num trabalho constante de prevenção contra os fogos florestais, a REN efetuou a limpeza de mais de 5 hectares em 2021. Já no distrito de Braga, a REN limpou perto de mil hectares em 2021 e 2022, tendo rearborizado mais de 85 hectares, principalmente com pinheiro-manso e carvalho. Estas intervenções da REN aumentam a biodiversidade, contribuindo, em simultâneo, para aumentar a resiliência aos incêndios florestais.

A REN na defesa da floresta

A REN, em conjunto com a ANEPC, o ICNF e os municípios onde se encontram instaladas linhas elétricas e gasodutos afetos à concessão da Rede Nacional de Transporte de Eletricidade e da Rede Nacional de Transporte de Gás Natural, tem feito um trabalho constante na prevenção contra os incêndios rurais;

A nível nacional, a REN tem quase 10 mil quilómetros (cerca de 35 mil hectares) de servidões de linhas elétricas e gasodutos, sendo que mais de 60% destas faixas de servidão (23 mil hectares) estão inseridas em espaços florestais. Nos últimos cinco anos, a REN efetuou a limpeza de mais de 38 mil hectares (9 mil hectares em 2021).

Este trabalho é efetuado em terrenos que não pertencem à REN, o que implica um contacto com os proprietários antes de qualquer intervenção. Neste trabalho de prevenção, só no ano 2021, foram contactados mais de 32 mil proprietários.

Desde 2010, a REN rearborizou mais de 3,6 mil hectares nas áreas de servidão. Para além de aumentar a biodiversidade e a resiliência aos incêndios florestais, estas ações permitem também aos proprietários dos terrenos (20 mil até 2021) obter algum rendimento desses terrenos. Até ao final da segunda época de plantação a REN terá mais de mil hectares de medronheiros, a espécie que melhor se adapta a esta estratégia, plantados em todo o país.

No final de 2021, 36% da área florestal atravessada pela rede elétrica da REN em todo o país já tinha sido sujeita a estes projetos de rearborização, sendo que o objetivo da empresa é chegar a 2025 com 50% e a 2030 com 60%.

Em 2022, e durante toda a época de incêndios, a REN tem em operação seis equipas 6 equipas de prevenção e vigilância, disponíveis 24 horas/dia, 7 dias por semana. Estas equipas estão equipadas com equipamento de primeira intervenção, que lhes permite fazer uma primeira intervenção de combate aos focos de incêndio;

Desde 2009, a REN doou 89 veículos no âmbito da prevenção de fogos florestais. 60 veículos foram doados a corporações de Bombeiros Voluntários e 29 a equipas de prevenção de incêndios da proteção civil das autarquias;

Sobre a REN

A REN – Redes Energéticas Nacionais atua em duas grandes áreas de negócio: o transporte de eletricidade em muito alta tensão e a gestão técnica global do Sistema Elétrico; o transporte de gás natural em alta pressão e a gestão técnica global do Sistema de Gás Natural, garantindo a receção, armazenamento e regaseificação de GNL, bem como o armazenamento subterrâneo de gás natural. A REN está também presente no negócio das telecomunicações, através da RENTELECOM, que inclui serviços diversificados, passando pelas infraestruturas, serviços geridos ou consultoria. Satisfazendo todos os critérios de qualidade e segurança que se lhe exige, a REN quer ser um dos mais eficientes operadores europeus de sistema de transporte de eletricidade e gás natural e, assim, construir valor para os seus acionistas.

Comentários

topo