Vila Verde

Diogo Correia lutou mas problemas mecânicos impediram-no de triunfar na Suécia

(C) Diogo Correia
Partilhe esta notícia!

Terminou a ronda 3 do Masters Drift na Suécia e o piloto Diogo Correia de Vila Verde não conseguiu alcançar os objetivos estabelecidos devido a problemas mecânicos.

“Começou ainda durante a viagem, na Alemanha, a caixa de velocidades da carrinha de assistência cedeu e obrigou-nos a comprar e substituir por uma nova.
Hoje durante os treinos uma transmissão acabou também por partir. Tivemos de procurar no paddock por alguém que tivesse uma suplente. Conseguimos uma de outro modelo e com alguma adaptação conseguimos montar no nosso carro.
Ainda nos treinos, mais um problema, fiquei sem travões a frente… fizemos de tudo para resolver o problema mas sem sucesso… As duas passagens de qualificação foram efetuadas assim… sem travões só travão de mão.Não foi o resultado desejado, mas foi o possível.
Já estamos com os olhos postos na ronda 4 em Riga, vamos trabalhar para por tudo a 100% e podermos vingar este resultado”, escreve o Piloto de Vila Verde com a certeza que a próxima ronda vai ser para triunfar e mostrar o que vale no Drift mundial.

Comentários

topo