Barcelos

Balugães promove teatro comunitário no Caminho de Santiago em Barcelos

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Está de volta o teatro ao terreiro da Igreja Românica de São Martinho de Balugães, em Barcelos. Depois da residência artística levada a cabo durante o mês de julho, este sábado, pelas 22h00, e com entrada livre, a aldeia de Balugães e a companhia de teatro local, o Teatro de Balugas, levam ao adro da igreja um espetáculo bienal de teatro comunitário e de forte identidade local, intitulado TERREIRO, assente numa cultura de valorização do espaço e na materialização artística da memória coletiva desta aldeia e do noroeste peninsular.

Nesta aldeia do Minho, marcada pelo caminho português de Santiago, e nas palavras do diretor artístico da companhia de teatro, Cândido Sobreiro, “o TERREIRO junta a terra e o palco como dois planos que são indissociáveis da sobrevivência espiritual do homem, mas também da natureza de um teatro popular e comunitário que sempre foi feito do povo, para o povo, e a partir de uma ideia de pertença comum”.

O projeto “TERREIRO – teatro comunitário” é desenvolvido no âmbito do Programa Cultura para Todos numa Cidade Educadora Inclusiva, promovido pelo Município de Barcelos e cofinanciado pelo Fundo Social Europeu através do Programa Norte 2020.

Comentários

topo