Braga

PSP detém três mulheres suspeitas de furtos em residências em Braga

Partilhe esta notícia!

A PSP do Porto anunciou hoje a detenção de três mulheres, com idades entre os 25 e os 28 anos, numa operação de combate ao furto a residências no Norte, tendo as suspeitas ficado em prisão preventiva.

“O Dispositivo da Polícia de Segurança Pública do Comando Metropolitano do Porto, através da Divisão de Investigação Criminal, no dia de ontem [sábado], concluiu uma operação policial no âmbito do combate aos crimes contra o património, mormente, furto no interior de residências, na zona Norte do país”, pode ler-se num comunicado da PSP enviado hoje às redações.

De acordo com o texto, no decurso das diligências policiais relacionadas com a operação, foram detidas “três mulheres com idades compreendidas entre os 25 e os 28 anos de idade, sem residência fixa em território nacional”.

“Depois de presentes junto das autoridades judiciárias, as três suspeitas detidas viram-lhes ser aplicada a medida de coação mais gravosa, prisão preventiva”, refere a PSP.

As mulheres foram “intercetadas e detidas quando se preparavam para se ausentar do território nacional”, segundo a polícia, que detalha que “em conjugação de esforços, procediam ao furto no interior de residências, mormente de artigos de ourivesaria e quantias monetárias”.

“São suspeitas da prática de quatro furtos em residências localizadas nas áreas da Póvoa de Varzim, Braga, Santa Maria da Feira e Ovar”, segundo a PSP.

A polícia comunicou também que foram apreendidos um automóvel, diversos artigos de ourivesaria (ouro), 1.520 euros e cinco telemóveis e ferramentas diversas.

Com Agência LUSA

Comentários

topo