Vila Verde

Pedro Malheiro de Vila Verde convocado para a seleção Sub-21 de Portugal

Partilhe esta notícia!

Pedro Malheiro natural de Vila Verde foi um dos selecionados para representar a selecção portuguesa de futebol sub-21.

A representar atualmente o Boavista Pedro Malheiro vai representar Portugal levando o nome de Vila Verde a todo o mundo.

O guarda-redes Francisco Meixedo, do FC Porto, e o defesa Pedro Malheiro, do Boavista, foram hoje chamados à seleção portuguesa sub-21 de futebol pela primeira vez, para os jogos particulares com República Checa e Japão.

Na Cidade do Futebol, em Oeiras, o selecionador Rui Jorge anunciou a convocatória de 23 jogadores para os encontros de preparação para o Campeonato da Europa de 2023, na Geórgia e Roménia, promovendo igualmente os regressos de João Mário, Gonçalo Inácio, Nuno Tavares, Fábio Vieira e Fábio Carvalho, ausentes da última lista de sub-21.

“Efetivamente, é um grupo diferente. A última convocatória foi feita um bocadinho na perspetiva de deixar alguns jogadores que fizeram parte do apuramento de fora e de chamar outros que tínhamos curiosidade de ver e que se portaram bem. As escolhas para esta convocatória serão outras, vamos continuar a observar um ou outro jogador que teve menos contacto connosco, outros que podem aprimorar a nossa qualidade e outros que já cá estiveram mais vezes. O objetivo do estágio é mesmo esse”, afirmou.

Rui Jorge salientou o contexto competitivo em que muitos jogadores da seleção sub-21 se encontram atualmente nos respetivos clubes, comparado com há 10 anos, permitindo aproximar a equipa jovem das ‘quinas’ do topo do futebol europeu para esta geração.

“Comparado com o que encontrámos quando aqui chegámos, há 10 anos, os jogadores estão a competir em níveis muito superiores. Torna-nos melhor seleção, de topo do futebol europeu, mas há jogadores, noutras seleções, também em excelente contexto competitivo. Estamos confortáveis a bater-nos com essas seleções europeias. Quanto melhor o contexto competitivo, mais fortes seremos”, frisou Rui Jorge, aos jornalistas.

O defesa central António Silva, de 19 anos, foi chamado pelo selecionador principal de Portugal, Fernando Santos, para o Mundial2022, depois de alinhar apenas 45 minutos pelos sub-21, na derradeira convocatória, numa ascensão meteórica nesta temporada.

“O António, por escolha do nosso selecionador principal, está noutro patamar, que é onde o nosso selecionador entende que deve estar. A partir desse momento, não há muito a dizer da qualidade dele que não ateste a presença nos AA”, realçou o técnico.

Em relação aos encontros de preparação, Rui Jorge explicou a escolha dos adversários dos lusos: “Escolhemos um jogo contra uma seleção que também vai estar numa fase final [República Checa] e já demonstrou qualidade para ultrapassar a fase de grupos. É um adversário com qualidade, dentro das que vamos encontrar na fase final. O Japão é um adversário eventualmente mais desconhecido, mas será uma equipa com a qual teremos de nos bater. Esperamos estar à altura de o fazer bem”.

As partidas com República Checa e Japão estão agendadas para 18 e 22 de novembro, respetivamente, ambas jogadas no Estádio Municipal de Portimão, a partir das 19:15.

No que toca ao histórico de confrontos entre as seleções, Portugal regista um ‘empate’ técnico com a República Checa, com três vitórias, um empate e três derrotas em sete jogos, com 10-10 em golos, sendo que, em relação aos nipónicos, será o primeiro jogo.

Portugal está integrado no Grupo A da fase final do Europeu de 2023, tendo como opositores a anfitriã Geórgia (21 de junho), os Países Baixos (24) e a Bélgica (27). Os dois primeiros classificados de cada um dos quatro grupos passam aos quartos de final.

Comentários

topo