Vila Verde

Filipe Melo em silêncio sobre processos de José Luis Moreira do Chega Vila Verde

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

O presidente da concelhia do Chega em Vila Verde, Braga, foi processado pela ex-senhoria por dever seis meses de renda. Terá deixado também a casa danificada, com cheiro a urina, contam à SÁBADO as advogadas da queixosa.

Segundo a revista SÁBADO, corre no Tribunal de Vila Verde uma ação judicial contra o líder do Chega Vila Verde, José Luís Moreira, por rendas em falta e danos patrimoniais de uma casa que arrendava.

Sabe o Semanário V que esta não é a única ação judicial de José Luís Moreira que tem dívidas à Segurança Social e outras divergências.

O Semanário V tentou recolher reações junto da Distrital de Braga do Chega e de Filipe Melo mas não obteve resposta.

Filipe Melo e a distrital do Chega de Braga foram contundentes na ‘nomeação’ de José Luis Moreira para a concelhia do Chega Vila Verde em detrimento do vereador Fernando Silva eleito em Vila Verde, mas não se pronunciam sobre se já tinham conhecimento dos problemas judiciais de José Luis Moreira na altura da sua nomeação para o cargo.

Comentários

topo