Terras de Bouro

Projeto do Centro Social do Vale do Homem animou Terras de Bouro

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

Ponto de Fuga, projeto do Centro Social do Vale do Homem, uma vez mais saiu de portas e deslocou-se ao concelho de Terras de Bouro.
Nas instalações dos Bombeiros Voluntários de Terras de Bouro decorreu uma sessão de musicoterapia, realizada pelos parceiros do CSVH – AECA de Amares.
O Ponto de Fuga é um projeto inovador, que alia a arte à saúde mental no sentido de promover a autoconfiança, a socialização e a autonomia de todos quantos fazem parte deste projeto.
O projeto do CSVH visitou Terras de Bouro e levou a alegria e boa música aos utentes terrabourenses.
De referir que as atividades do Ponto de Fuga são desenvolvidas em três concelhos: Amares, Terras de Bouro e Vila Verde, e está sediado na Casa da Citânia – Vila Verde.

Fotos: CSVH

Do projeto fazem parte uma enfermeira especialista em saúde mental, uma terapeuta ocupacional, um psicólogo, um professor de arte e uma monitora, para além destes conta também com as parcerias da AECA (Amares), Grupo de Teatro de Balança (Terras de Bouro) e D’ARTE (Vila Verde).

O Município de Terras de Bouro e Amares são investidores sociais do Ponto de Fuga.

Na próxima quarta-feira, dia sete de dezembro, o Ponto de Fuga desloca-se a Amares, à Biblioteca Municipal.

Comentários

topo