País

Proteção Civil contabiliza 748 ocorrências até às 22:30 de segunda-feira

Partilhe esta notícia!

A Proteção Civil registou 748 ocorrências entre as 00:00 e as 22:30 de segunda-feira, com especial incidência nos distritos de Coimbra, Lisboa e Viseu, alertando para um aumento de intervenções nas últimas horas.

De acordo o comandante Pedro Araújo, da Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (ANEPC), o distrito mais afetado até às 22:30 de segunda-feira era o de Coimbra.

“(…) Há um total 728 ocorrências, sendo que os distritos mais afetados até às 22:30 tinham sido o de Coimbra com 104 ocorrências, o de Lisboa com 86 e o de Viseu com 82”, disse à Lusa Pedro Araújo.

Pelas 00:00 de hoje, o comandante lembrou que, no entanto, “na última hora estes números foram subindo”.

“Os distritos mais afetados no momento são o de Lisboa e o de Setúbal, onde choveu com alguma intensidade nas últimas horas. Nós temos um acumulado de ocorrências nesses dois distritos de 86 para Lisboa e 25 para Setúbal”, indicou.

“As ocorrências estão maioritariamente associadas a precipitação, resultando em inundações e em queda de árvores e estruturas”, acrescentou.

A ANEPC fará uma nova atualização dos números das ocorrências pelas 02:00.

A Proteção Civil alertou segunda-feira para nova possibilidade de inundações e aumento dos caudais dos rios nos distritos de Leiria, Setúbal, Lisboa, Évora, Santarém e Portalegre, que estarão em alerta laranja (o segundo mais grave de uma escala de quatro) devido às previsões de chuva persistente e forte.

Já o IPMA colocou segunda-feira e hoje 14 distritos sob aviso laranja devido à previsão de chuva persistente, por vezes forte e ocasionalmente acompanhada de trovoada.

Sob aviso laranja estão os distritos de Viseu, Évora, Porto, Vila Real, Setúbal, Santarém, Viana do Castelo, Lisboa, Leiria, Beja, Castelo Branco, Aveiro, Portalegre e Braga.

Os distritos de Bragança, Viseu, Porto, Guarda, Vila Real, Viana do Castelo, Aveiro, Castelo Branco, Coimbra e Braga estão igualmente sob aviso amarelo até às 15:00 de hoje e Faro e Beja entre as 12:00 e as 15:00 de terça-feira por causa do vento forte.

O aviso laranja do IPMA indica situação meteorológica de risco moderado a elevado e o amarelo é emitido sempre que existe uma situação de risco para determinadas atividades dependentes da situação meteorológica.

Comentários

topo