Braga

Hospital de Braga implementa medidas de poupança energética

Partilhe esta notícia!

O Hospital de Braga voltou a adotar medidas eficientes no que respeita ao consumo de energia e implementou, desde o início desta semana, a redução total ou parcial da iluminação dos corredores de circulação e áreas de espera sem atividade. Estas ações, desenvolvidas em parceria com a Entidade Gestora do Edifício, não preveem qualquer constrangimento à prática da atividade clínica e têm como objetivo a redução do desperdício energético.

As medidas agora implementadas resultam de um trabalho exaustivo de levantamento de todas as áreas iluminadas dentro do perímetro hospitalar, e de uma criteriosa seleção de zonas onde a iluminação pode ser desligada total ou parcialmente e de forma automática, principalmente à noite, fins de semana e feriados, sem qualquer prejuízo dos cuidados clínicos prestados.

A Resolução do Conselho de Ministros n.º 82/2022 de 27 de setembro e o Plano de Poupança de Energia 2022/2023 definido pelo Governo deram o mote para o Hospital de Braga desenvolver e adotar estas ações. De frisar que, apesar desta Resolução não se aplicar às unidades de saúde, o Hospital aproveita esta oportunidade para se associar ao movimento de sensibilização energética vivido a nível internacional.

De acordo com João Porfírio Oliveira, Presidente do Conselho de Administração “A eficiência, a consciência ambiental e a pegada ecológica são temas prioritários para o Hospital de Braga, e essa preocupação reflete-se na Certificação Ambiental ISO14001 obtida pelas boas práticas e adoção de atos ambientalmente sustentáveis. É responsabilidade social do Hospital de Braga contribuir para um futuro melhor.”

Comentários

topo