Braga

Hospital de Braga recebe 110 Médicos Internos para Formação Geral e Específica

(c) Direitos reservados
Partilhe esta notícia!

O Hospital de Braga recebeu hoje, dia 2 de janeiro, 60 Médicos recém-licenciados, que vão frequentar o Internato de Formação Geral durante o ano de 2023, e 50 Internos de Formação Específica, num total de 110 Médicos Internos.

A receção destes decorreu no auditório principal do Hospital e contou com a presença do Presidente do Conselho de Administração, João Porfírio Oliveira, da Diretora Clínica, Paula Vaz Marques, do Diretor do Internato Médico, Luís Basto, do Diretor adjunto do Internato Médico, Narciso Oliveira, e da Interna de Oncologia, Sílvia Santos, que integra a Comissão de Internos.

Realçando a importância desta receção, João Porfírio Oliveira, deu as boas-vindas institucionais, destacou a capacidade e qualidade formativa que caracterizam o Hospital de Braga e reforçou “o empenho do Conselho de Administração para manter a Instituição como um dos locais de formação de eleição para os jovens Médicos”.

Por sua vez, Paula Vaz Marques, Diretora Clínica, reforçou o enorme valor que o Internato Médico tem na carreira dos jovens médicos e destacou que estes “são essenciais para o desenvolvimento e melhoria contínua da qualidade dos Serviços do Hospital de Braga e do Serviço Nacional de Saúde”.

O Diretor do Internato Médico, Luís Basto e o Diretor adjunto do Internato Médico, Narciso Oliveira reforçaram a disponibilidade do Internato para apoiar diariamente estes jovens médicos, esperando que o Hospital continue a responder às expectativas dos Internos.

Durante esta sessão foi ainda possível visualizar-se, em direto, o evento “Receção aos Médicos Internos 2023”, o qual contou com as intervenções do Secretário de Estado da Saúde, do Bastonário da Ordem dos Médicos e do Diretor Executivo do Serviço Nacional de Saúde.

Tal como no ano transato, o Hospital de Braga não teve nenhuma especialidade com vagas por preencher, tendo sido uma escolha preferencial para muitos dos Médicos Internos.

Comentários

topo