Braga

Nem a chuva parou professores em luta na Praça do Município em Braga

(C) Célia Estrada
Partilhe esta notícia!

A concentração do S.TO.P frente à Câmara Municipal de Braga foi bastante concorrida. Nem com chuva e frio, os professores abdicam de marcar presença em protestos e de lutar pelos seus direitos.

Uma das intervenções do protesto coube a uma professora contratada desde o final do século XX, ou seja, uma situação inqualificável em pleno século XXI.

Apelou-se à adesão à greve (alargada ao pessoal não docente desde 4 de Janeiro) e à inscrição para os autocarros que vão levar os professores a Lisboa no próximo dia 14 de janeiro.

Comentários

topo